| Review | A Filha da Minha Melhor Amiga de Dorothy Koomson


Kamryn Matika e Adele Brannon, melhores amigas desde sempre, acreditavam que nada poderia separá-las... Até Adele fazer o impensável e envolver-se com o noivo de Kamryn, Nate. Dessa relação física nasce uma filha. Anos mais tarde, Adele está a morrer e a implorar a Kamryn que adopte a sua filha Tegan. Com uma carreira fantástica e uma vida social eléctrica, a última coisa de que Kamryn precisa é de uma criança de cinco anos para lhe estragar os planos. Mas, sem ninguém para tomar conta de Tegan e com o falecimento inevitável de Adele, terá ela outra escolha? Assim se inicia uma difícil viagem que conduzirá Kamryn ao perdão e ao amor, à responsabilidade e, por fim, a um melhor conhecimento de si mesma. 

A Filha da Minha Melhor Amiga foi a minha primeira leitura de Dorothy Koomson. Recordo-me que já tinha tentado lê-lo no que parece ser outra vida, mas deixei-o a meio. Não me recordo do motivo e ao lê-lo novamente, não percebo porque o faria já que A Filha da Minha Melhor Amiga é um romance enternecedor e extremamente envolvente e a pequena Tegan não é outra coisa que não adorável. 
Dorothy Koomson surpreendeu-me com a sua escrita, pois esperava algo parecido com Nicholas Sparks - mais sério e "pesado". No entanto, a autora deu-me algo muito pessoal e foi capaz de provocar leveza num assunto sério com pequenos momentos de humor e de ternura. Toda a envolvência de Tegan no decorrer da história é perfeito e alguns dos momentos caricatos.
That's what came from having romance in your soul. You believe in things like love at first sight and perfect presents.
Porém, não vou mentir e afirmar que a leitura do livro foi um perfeito mar de rosas porque não foi. Dorothy Koomson deu em, A Filha da Minha Melhor Amiga uma importância exagerada à relação amorosa e ao triângulo amoroso que se estabelece havendo - na minha opinião - uma linha de história previsível. Subitamente, Tegan e a sua adopção e o facto de ser mãe solteira de forma inesperada são elementos colocados para segundo plano face à indecisão romântica. O facto de a protagonista desconfiar do mundo e de assumir uma postura férrea mas ter uma auto-estima abaixo do zero, deixou-me um pouco esgotada, não pelo conceito em si, mas pelas constantes repetições, pois vemos a mesma descrição, o mesmo detalhe da história uma e outra vez. Para além disso, gostaria que a autora tivesse desenvolvido mais o elemento da família inter-racial e o papel da mulher enquanto mulher-carreira e mãe.
Every second counts
A forma como Dorothy Koomson deu vida às personagens, nomeadamente à protagonista, revela uma experiência de causa e é palpável a quantidade de amor e trabalho que deu a criação de A Filha da Minha Melhor Amiga e o modo como nos dá a conhecer a história de Ryn e de Adele e o amor que nutriam uma pela outra é facilmente dado ao leitor, no entanto, o livro vai perdendo a emoção à medida que se torna previsível, sendo a pequena Tegan o raio de sol que motiva a leitura.



E vocês? Quem é que já leu? Gostam dos outros livros da autora? Digam nos comentários em baixo!

6 comentários

  1. Olá! É uma das minhas autoras preferidas, que já conheci pessoalmente numa Feira do Livro em Lisboa. As suas histórias são sempre muito envolventes, com personagens muito marcantes. Este livro é bom para iniciar, mas sugiro o "Bons sonhos, meu amor" que é o meu preferido (de todo os publicados em Português só me falta ler "O outro amor da vida dele". Boas Leituras!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tenho recebido imensas sugestões e um deles o "O outro amor da vida dele". Li a sinopse e pareceu-me muito interessante!
      Sim, este livro foi muito querido e envolvente! :D

      Beijinhos!!!

      Excluir
  2. Para mim também foi o primeiro é único livro de Dorothy Koomson que li e já li há tanto tempo que esta publicação me deu saudades ^^, boas leituras!

    Miss DeBlogger | missdeblogger.blogspot.pt

    ResponderExcluir
  3. Muito Obrigada pelo comentário! :D

    Podes sempre reler hihihi

    Beijinhos,

    ResponderExcluir
  4. Não li nada da autora, mas tenho cá este em casa! :P
    Tenho ouvido boas reviews, acho que não vi ninguém a dar-lhe menos de 3 estrelas. Qualquer dia tenho de pegar nele para ver o que acho!
    Beijinhos,
    Vanessa

    http://www.acharofioameada.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada pelo comentário!

      É um bom livro :D

      Beijinhos!!!

      Excluir

Muito obrigado pelo comentário!
Eu respondo a todas as mensagens deixadas, pelo que se queres ter a certeza de ver a resposta, não te esqueças de deixar colocada a opção de "notificações".
Boas leituras!